Arquivo

Posts Tagged ‘joaquim castro caldas’

foi um dia delirante

Março 21, 2009 Deixe um comentário

foi um dia delirante
a lua apareceu num instante
durante a criança admirada
e desapareceu logo a seguir
e a última mãe com filhos na cidade
foi pela mata descalça e devagar
sem dizer a ninguém
para ouvir sozinha o barulho do mar
só um bocadinho
e voltar a correr

era a coisa mais estranha
e fabulosa até aí
pela cidade completamente calma e branca
e o sol não se pôs nesse dia
nunca mais se falou nisto

[Joaquim Castro Caldas, in diz que até jesus]

Anúncios

cúpula

Janeiro 18, 2009 Deixe um comentário

onde os dedos dos anjos não se tocam
por pouco
e mesmo assim não mostram desespero

[Joaquim Castro Caldas, in diz que até jesus]

Categorias:intimidade, poesia Etiquetas:
%d bloggers like this: