Início > intimidade > novos tempos são todos os que se seguem… renovadamente iguais aos que já passaram

novos tempos são todos os que se seguem… renovadamente iguais aos que já passaram

existem duas coisas importantes nesta reprodução de afirmações de Gonçalo M. Tavares (revista Ler, Dezembro de 2010), a de menor importância, que é o facto de eu não chegar aos 60kg e não estar a caminho dos 70kg, e a de importância maior, que é a questão da lucidez e do perceber melhor – que é algo, suponho, ligado à capacidade de saber ler e interpretar não só que está escrito, como também aquilo que nos rodeia e pode estar implícito no que está escrito.

depois de anunciada, ontem, a avaliação sobre a capacidade de interpretação e de resolução de problemas dos actuais estudantes do 3º ciclo (penso que 7º, 8º e 9º anos antigos), em que foi revelada, na verdade, a sua incapacidade para interpretação e resolução de situações com níveis de dificuldade um pouco acima do básico, penso haver a necessidade de avaliar os pais e actuais trabalhadores activos (na casa dos trinta/quarenta – muitos com licenciaturas) que não sabem conjugar ideias e pensamentos para além dos que lhes estão explicados à frente e não sabem relacionar entre situações semelhantes do seu conhecimento, pondo em causa afirmações apenas por que não voltam a reescrever o que já antes foi explicado extensivamente.

Anúncios
  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: