a passa, a uva e a flor

estamos velhos e gordos. sentamo-nos no sofá e vemos o filme preferido do nosso amor, em disco de raio azul e com som em volta, projectado na parede branca do salão.

na mesa de apoio, riscamos. na mesa de jogo, uma partida de xadrez suspensa hão anos; espera o telefonema de quem já foi desta para outra, e talvez não tenha sido informado.

velhos e gordos, sem palavras possíveis. porque não?

sim.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s