Início > poesia > invocação

invocação

Não permitas, Senhora,
que desvie meu olhar
dos passos que perderam
— dez minutos sobre a terra —
aqueles que não possuem
um bilhete de retorno.

Concede-me o lugar
mais distante da lareira,
aquele que não serve,
mas de onde se ilumina
este modo de durar
que só amar ensina.

[José Miguel Silva, in Ulisses já não mora aqui]

Anúncios
  1. Antonio - RJ
    Outubro 29, 2010 às 21:27

    Muito Lindo. Obrigado.

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: